Visitem-nos também em: Só-Newz.blogspot.pt [Actualização Diária]

29/05/10

Crón!ca da Semana #7

E se as flores falassem?
Se as flores falassem quando nós passássemos elas tinham tanto para nos dizer. Às vezes, perdemos uma pulseira importante.
Vir a este recanto, fez de mim, cultivadora de sementes que vão germinando, devagar, ao luar… São poucas vezes que encontramos uma lua favorável à nossa terra, por vezes condicionada pelo relevo impróprio e acidentado. Quem diria que a lua está mais perto que nós imaginamos, coberta de um giz preto nesse céu de lágrimas e nós viajantes sem destino vamos lá, de camisola branca pura e com as costas do braço, pequeno, grande, gordo, magro, limpamos.
Somos todos iguais, porque o giz nos suja o branco, mas não corrompe.
E se as flores falassem saberiam… Se as flores falassem, dar-nos-iam conselhos.
Mas elas ouvem, e ouvir é mais propício do que falar, mas a verdade, é que este jardim, meu, vosso, dele, dela, nosso, não só ouve, como fala. As pessoas por vezes só ouvem.
Mas ouvir não é o verbo suficiente para esta vida humana , é preciso saber escutar, saber medir as palavras, saber fazer tudo com dois verbos nas mãos : o fazer , e o conseguir.
E talvez, hoje não seja preciso as flores falarem, não sejam precisos jardins.
Talvez, hoje, o suficiente sejamos nós, nós e este recanto, cheio de cor, de tudo o que é propício para continuarmos. As pessoas buscam, muitas vezes, o difícil de encontrar, mas quando nada se procura, é nesse instante que se encontra.
Quando à amigos, nem sempre há compreensão. A amizade está para nós como as flores estão para o jardim. Podem não germinar, podem não dar cores bonitas, mas há sempre aquelas que primavera após primavera deixam a sua cor , e ano após ano, crescem mais um bocadinho.
E quando gostamos, fazemos tudo para as voltar a semear.
Eis um pedaço do meu jardim, cheio de m!l 9dades , m!l flores e m!l sorrisos.
Alice Castro em : «Um jardim… »

0 comentários:

Enviar um comentário